Archive for the ‘banco’ Category

Conta Salário Banco Central

March 2nd, 2013

Conta Salário Banco Central é regulamentada pelo Banco Central do Brasil. A Resolução três mil quatrocentos e dois de seis de setembro de dois mil e seis dispões sobre a prestação de serviços de pagamento de salários e afins sem a cobrança de tarifas. A conta salário permite que o empregado possa transferir o salário para uma conta diferente da que foi aberta pelo seu empregado e não pagar qualquer tarifa por isso.

Para os trabalhadores da iniciativa privada, a conta salário é obrigatória desde o dia dois de janeiro de dois mil e nove. A obrigatoriedade para os servidores públicos se iniciou aos dois dias do mês de janeiro de dois mil e doze, o ano em que o mundo não acabou. O saldo de conta salário é muito importante porque é preciso que o trabalhador tenha controle dos valores disponíveis em sua conta, porque é a partir dessa informação que é possível tomar as atitudes financeiras mais adequadas. É uma informação que muitos bancos disponibilizam logo na página inicial, após o login definitivo, porque é a parti daí, que a pessoa vai decidir o que fazer. O saldo também pode ser obtido pelo telefone.

O saldo também pode ser conseguido no caixa eletrônico e lá também podem pedir além de senhas, outras informações. Todas as medidas de segurança que são bastante inconvenientes apenas visam a segurança do próprio cliente, então é preciso tolerar. Conta Salário Banco Central deu ao trabalhador o direito de colocar o seu dinheiro onde bem quisesse. Uma grande conquista para a já tão sofrida classe trabalhadora deste país.

Carta Abertura De Conta Salário

January 29th, 2013

Uma carta abertura de conta salário começa com a localidade, vírgula, dia de mês de ano. Ponto. Algumas linhas abaixo começa com Ilmo Senhor Ou Senhoras, nomeia o gerente pelo nome e informa a agência. Então declara que para devidos fins, o funcionário que é nomeado abaixo é parte do quadro de funcionário e então solicita a abertura da conta salário.

Para identificar o funcionário se usa o nome completo dele, o CPF (Cadastro de Pessoa Física), Endereço, Data de Admissão. E então se assina, coloca-se o nome de quem assina e o cargo que ocupa. É importante usar papel timbrado com dados da empresa. O documento é emitido pelo empregado, mas quem leva ao banco é o empregado. Basicamente isso. A conta salário é um tipo de conta especial que controla fluxo de recursos e é destinada ao recebimento de salários, soldos, proventos, vencimentos, pensões, aposentadorias ou coisa parecida.

Os únicos depósitos admitidos pela conta salário são da entidade que paga e essa conta não pode ser movimentada por meio de cheques. Para abrir uma conta salário é preciso que haja um contrato ou convênio firmado entre o empregador e a instituição financeira. Não é o empregado que abre a conta salário. Só o empregador pode abrir a conta salário e ele é responsável pela identificação de quem vai se beneficiar. Os bancos tem a obrigação de abrir a conta salário se prestam serviços de execução de folha para uma empresa. A Carta Abertura de Conta Salário é muito importante para a abertura da conta salário.

Conta Salário Itaú

July 20th, 2012

A Conta Salário Itaú é regulamentada pelo Banco Central do Brasil. Sobre a conta salário é vedada a cobrança de tarifas em transferências de dinheiro para outra instituição financeira, para crédito à conta de depósito do próprio beneficiário, seja conjunta ou não, contanto que os valores sejam transferidos totalmente, admitindo a dedução de parcelas de empréstimo, financiamento ou arrendamento mercantil que sejam contratados na conta salário. Se a transferência for parcial e para outro banco, a tarifa pode ser cobrada, mas se for no mesmo banco.

Para transferir o salário para uma conta corrente do Itaú, é automático e gratuito. É um direito que é garantido pelas resoluções três mil quatrocentos e dois e três mil quatrocentos e vinte e quatro do BCB para funcionários de empresas privadas e públicas.

Para quem já é cliente do Itaú, bastar imprimir e preencher o formulário de solicitação de transferência de salário e/ou benefício. Então, entrega uma via na agência onde está recebendo o salário e para controle pessoa, guarda a segunda via assinada por um funcionário do banco. Depois de processado, no próximo dia de pagamento, o dinheiro será transferido automaticamente em todos os meses, para a conta corrente do Itaú. Para quem ainda não é cliente do banco, é necessário primeiramente abrir uma conta no Itaú.

A realização da transferência automática do salário depende de processamento da parte do banco em que o salário é creditado. Por isso, é recomendável entregar a solicitação com pelo menos cinco dias de antecedência ao próximo dia de pagamento e é importante também se certificar de que o pedido foi atendido pelo outro banco.

Bloqueio Conta Salário

June 18th, 2012

Bloqueio Conta Salário é indevido, salário é impenhorável. A base normativa da conta salário é composta pela resolução do CMN (Conselho Monetário Nacional) de número três mil quatrocentos e dois de dois mil e seis, pela resolução do CMN de número três mil quatrocentos e vinte e quatro também de dois mil e seis e pelas circulares de número três mil trezentos e trinta e seis e três mil trezentos e trinta e oito, ambas, também do ano de dois mil e seis.

Sobre a conta salário é vedada a cobrança de tarifas em transferências de dinheiro para outra instituição financeira, para crédito à conta de depósito do próprio beneficiário, seja conjunta ou não, contanto que os valores sejam transferidos totalmente, admitindo a dedução de parcelas de empréstimo, financiamento ou arrendamento mercantil que sejam contratados na conta salário. Se a transferência for parcial e para outro banco, a tarifa pode ser cobrada, mas se for ao mesmo banco.

É vedado o uso de tarifas para fornecimento de cartão magnético, a não ser em casos de pedidos de reposição decorrentes de perda, rouba, dano e outros motivos que sejam imputáveis para a instituição financeira. Também não pode haver cobrança para até cinco saques a cada crédito depositado. O beneficiário tem o direito de fazer pelo menos duas consultas mensais de saldo nos caixas eletrônicos ou no guichê de caixa e também de pelo menos dois extratos contendo a movimentação da conta nos últimos trinta dias, além de manutenção da conta, no caso de não haver movimentação.